Campanha da Fraternidade 2017 – Notícias

material_proprio_cf2017

Regional CNBB-NE3 desenvolve material da CF 2017

Regional CNBB-NE3 desenvolve material próprio para a Campanha da Fraternidade 2017

A Igreja no Brasil já se prepara para a Campanha da Fraternidade 2017, que terá como tema: “Fraternidade: biomas brasileiros e defesa da vida” e como lema: “Cultivar e guardar a criação”   (Gn 2.15). Para ajudar os fieis a vivenciarem este importante tema ao longo da quaresma, o Regional Nordeste 3 da CNBB desenvolveu um subsídio próprio para os Encontros em família e a Via Sacra.

Regional CNBBAssim, as comunidades do Regional, composto pelos estados da Bahia e Sergipe, poderão se preparar para a Páscoa do Senhor Jesus tendo como pano de fundo a preocupação com a nossa casa comum, a partir de um olhar mais próximo da nossa realidade.

O texto é composto por:
Celebração da Quarta-feira de Cinzas
1º Encontro: Conhecendo os Biomas Brasileiros;
2º Encontro: Os Biomas da Bahia e Sergipe, suas belezas, fragilidades e desafios;
3º Encontro: Defender os Biomas é Cuidar da “Casa Comum”;
4º Encontro: É hora de Agir, nem tudo está perdido!

Celebração da Quinta-feira Santa;
Celebração da Paixão de Nosso Senhor Jesus Cristo;
Celebração da Vigília Pascal;
Via Sacra;
Cantos

Este material rico em conteúdos e ensinamentos pode ser adquirido através do email: vendascnbbne3@gmail.com ou dos telefones WhatsApp: (71) 997397839 Telefone: (71) 33294168.

O custo é de apenas R$ 1,20.

Que o Povo de Deus que fizer uso deste livro aproveite bem a oportunidade de conhecer tema tão importante dentro da ótica da Igreja, fazendo a comunhão entre Fé e Vida.

CNBBNE3

desenho-pitando-02

Inscrições abertas para o Concurso Pintando a Fraternidade 2017

Em 2016, foram 805 inscrições registradas no concurso Pintando a Fraternidade. Para este ano que se inicia a expectativa é de que o número de participantes possa ser ainda maior. O público infantojuvenil da Sociedade de São Vicente de Paulo (SSVP) já pode se inscrever neste projeto da coordenação nacional de Conferências de Crianças e Adolescentes. Basta fazer um desenho relacionado à Campanha da Fraternidade e enviá-lo ao CNB. O prazo final é 30 de maio.

Pintando a Fraternidade 2017

Desenho vencedor da categoria 12 a 15 anos, feito por Ana Flávia de Oliveira, CM São José dos Campos/SP, em 2016.

Baixe aqui a circular com o regulamento do Concurso
Baixe aqui a ficha de inscrição do Concurso Pintando a Fraternidade

Os inscritos serão divididos em duas modalidades: A (de 6 a 11 anos) e B (de 12 a 15 anos). O desenho deverá ser feito no verso da ficha de inscrição a lápis ou giz de cera.

Os três primeiros colocados ganham um tablet. Só que o primeiro lugar ainda receberá uma bandeira da SSVP e o segundo um boneco da Turma do Vicente.

O autor do melhor desenho em nível de Conselho Metropolitano também ganha um boneco da Turma do Vicente.

O tema da Campanha da Fraternidade de 2017 é “Fraternidade: biomas brasileiros e defesa da vida”, e o lema: “Cultivar e guardar a criação”. Os participantes também podem usar como inspiração o ano temático do Conselho Nacional do Brasil: “Contra as pobrezas, agir juntos”. Participe!

SSVPBRASIL

cf2017_ilustracao

CF 2017: O texto aponta ações para o cuidado e cultivo da Casa Comum

Subsídio traz iniciativas que fortalecem objetivos da Campanha

Buscando alertar para o cuidado da criação, de modo especial dos biomas brasileiros, a Campanha da Fraternidade 2017 terá início em todo o país no dia 1º de março. Com o tema “Fraternidade: biomas brasileiros e defesa da vida” e o lema “Cultivar e guardar a criação”, a iniciativa traz uma reflexão sobre o meio ambiente e sugere uma visão global das expressões da vida e dos dons da criação.

Com o objetivo de ajudar às famílias, comunidades e pessoas de boa vontade a vivenciarem a iniciativa, o texto-base da campanha aponta uma série de atividades que ajudarão a colocar em prática as propostas incentivadas pela Campanha. Além disso, ele também propõe ações de caráter geral, que indicam a necessidade da conversão pessoal e social, dos cristãos e não cristãos, para cultivar e cuidar da criação.

A Campanha da Fraternidade 2017 começará na Quarta-feira de Cinzas, dia 1º de março.

Como exemplo dessas ações estão o aprofundamento de estudos, debates, seminários e celebrações nas escolas públicas e privadas sobre a temática abordada pela Campanha da Fraternidade. O fortalecimento das redes e articulações, em todos os níveis, também é proposto com o objetivo de suscitar uma nova consciência e novas práticas na defesa dos ambientes essenciais à vida. Além disso, o subsídio chama atenção ainda para a necessidade de a população defender o desmatamento zero para todos os biomas e sua composição florestal.

Já no campo político, o texto-base da CF incentiva a criação de um Projeto de Lei que impeça o uso de agrotóxicos. O livro também indica que combater a corrupção é um modo especial para se evitar processos licitatórios fraudulentos, especialmente, em relação às enchentes e secas que acabam sendo mecanismos de exploração e desvio de recursos públicos.

Cuidado e cultivo da Casa ComumTendo em vista as formas de agir propostas no texto-base da CF 2017, a CNBB destaca que é importante que cada comunidade, a partir do bioma em que vive e em relação com os povos originários desses biomas, faça o discernimento de quais ações são possíveis, e entre elas quais são as mais importantes e de impacto mais positivo e duradouro.

“A criação é obra amorosa de Deus confiada a seus filhos e filhas. Nossa Senhora Mãe de Deus e dos homens acompanhará as comunidades e famílias no caminho do cuidado e cultivo da casa comum no tempo quaresmal”, afirma o secretário geral da CNBB, dom Leonardo Steiner.

Cronograma oficial da CF 2017

1° de março de 2017: Quarta-feira de Cinzas: Lançamento CF 2017 em todo o Brasil, em âmbito nacional, regional, diocesano e paroquial, com a mensagem do Papa, da Presidência da CNBB e programas especiais.

Realização – 1° de março a 9 de abril de 2017: a Campanha dos te ano se realiza com o tema:
Fraternidade: biomas brasileiros e defesa da vida, o lema: Cultivar e guardar a criação (Gn 2,15).

Domingo de Ramos – 9 de abril de 2017: Coleta nacional de solidariedade (60% para o Fundo Diocesano de Solidariedade e 40% para o Fundo Nacional de Solidariedade).

Avaliação – abril a junho de 2017: nos âmbitos: paroquial (de 24 de abril a 22 de maio), diocesano (de 24 de maio a 12 de junho) e regional (12 de junho a 8 de julho).

Encontro Nacional com representantes dos regionais da CNBB – agosto de 2017.

Download de todas as Encíclicas que você precisar para a Campanha da Fraternidade 2017

Coleção de cantos da CF de 2000 a 2014

Coleção de partituras dos hinos e cantos, de 2000 a 2014, da Campanha da Fraternidade

Vamos usar o nosso WhatsApp, nosso Facebook e nossas outras mídias sociais para divulgar aos nossos amigos e familiares o tema, o lema e o objetivo geral da Campanha da Fraternidade, basta usar os botões nos artigos do Portal kairós para compartilhar.

Com informações da CNBB
Favor citar o link: Fonte: https://portalkairos.org/cf-2017-o-texto-aponta-acoes-para-o-cuidado-e-cultivo-da-casa-comum/#ixzz4VdRFRcvD ou
Nome do site com link para a página principal: Portal Kairós

Os materiais da CF podem ser adquiridos no site da Edições CNBB

cartaz_cf_2017_original_pkairos_quadrado

Campanha da Fraternidade 2017 já disponíveis: cartaz, texto-base e hino

Em 2017, a Campanha trará o tema “Fraternidade: biomas brasileiros e defesa da vida” e o lema “Cultivar e guardar a criação”

Campanha da Fraternidade 2017 Biomas CNBB

A Campanha da Fraternidade (CF 2017) terá como tema “Fraternidade: biomas brasileiros e defesa da vida” e o lema “Cultivar e guardar a criação” (Gn 2.15).
Para essa iniciativa da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB) apresenta o texto-base da CF 2017 que terá como proposta principal dar ênfase a diversidade de cada bioma e criar relações respeitosas com a vida e a cultura dos povos que neles habitam, especialmente à luz do Evangelho.

Segundo o bispo auxiliar de Brasília (DF) e secretário geral da CNBB, dom Leonardo Ulrich Steiner, a depredação dos biomas é a manifestação da crise ecológica que pede uma profunda conversão interior. “Ao meditarmos e rezarmos os biomas e as pessoas que neles vivem sejamos conduzidos à vida nova”, afirma.

O texto-base está dividido em quatro capítulos, a partir do método ver, julgar e agir, faz uma abordagem dos biomas existentes, suas características e contribuições eclesiais. Também traz reflexões do tema sob a perspectiva de São João Paulo II, Bento XVI e o papa Francisco. Ao final, são apresentados os objetivos permanentes da Campanha, os temas anteriores e os gestos concretos previstos durante a Campanha 2017.

A partir do texto-base todas as comunidades, paróquias e dioceses do Brasil organizam formações e ações para o período de realização da CF 2017 que tem seu ponto alto o tempo da quaresma. Além disso, a CNBB realiza concursos para a escolha do cartaz e hino da CF.

Cartaz da CF-2017 que será usado em todas as comunidades da CNBB

Cartaz da CF-2017 que será usado em todas as comunidades

Para colocar em evidência a beleza natural do país, identificando os seis biomas brasileiros, o Cartaz da CF 2017 mostra o mapa do Brasil, em imagens características de cada região. Compõem também o cenário, como personagens principais, os povos originários; os pescadores e o encontro da imagem de Nossa Senhora Aparecida, padroeira do Brasil, acontecido há 299 anos. Além da riqueza dos biomas, o cartaz quer expressar o alerta para os perigos da devastação em curso, além de despertar a atenção de toda a população para a criação de Deus.

texto_base_cf2017

Para 2017 o cartaz já está disponível junto com o texto-base no site das edições CNBB e o hino já foi escolhido tendo como ganhadores do concurso o padre José Antônio de Oliveira, de Barão dos Cocais (MG) e Wanderson Luiz Freitas da Silva de Goiânia (GO) que compuseram a letra e a música oficiais do hino.

O CD da Campanha da Fraternidade 2017 deve ficar pronto ainda em 2016, e também irá contar com mais três músicas que foram enviadas ao concurso, que são de autoria do Padre Cireneu Kuhn, verbita de Santo Amaro (São Paulo), Casimiro Vidal Nogueira, de Curitiba (PR) e da parceria entre J. Thomaz Filho e Wallison Rodrigues.

No Portal Kairós você tem a cobertura completa de diversas comunidades e materiais de divulgação exclusivos.

Portal kairós com informações da CNBB

vitoria_regia_2017

Comissão escolhe vencedores do concurso para o hino da CF 2017

Além do hino, foram escolhidas mais músicas para o CD

icone_cf2017_bioma_03Os vencedores do concurso para o hino da Campanha da Fraternidade de 2017 (CF 2017), promovido pela Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB),  são o padre José Antônio de Oliveira, de Barão dos Cocais (MG), e Wanderson Luiz Freitas da Silva, de Goiânia (GO), que compuseram, respectivamente, a letra e a música oficiais do hino do próximo ano.

A CF 2017 tem como tema “Fraternidade: Biomas brasileiros e defesa da vida” e lema “Cultivar e guardar a criação”. No edital do concurso, foi pedido que a letra do hino traduzisse em profunda linguagem poética seu conteúdo; que possuísse caráter vibrante e convocativo; melodias e ritmos fluentes em qualquer assembleia.
O emprego da função da linguagem mais adequada ao momento litúrgico também foi levado em consideração.

O CD da Campanha da Fraternidade 2017, que deve ficar pronto ainda neste ano, contará com outras três músicas enviadas ao concurso. As autorias das músicas são de padre Cireneu Kuhn, verbita de Santo Amaro (SP); Casimiro Vidal Nogueira, de Curitiba (PR); e da parceria entre J. Thomaz Filho e Wallison Rodrigues.

De acordo com o bispo auxiliar de Brasília (DF) e secretário geral da CNBB, dom Leonardo Ulrich Steiner, aqueles que enviaram contribuições para concorrer à categoria de hino oficial da Campanha da Fraternidade “colocaram sua digital na importante história do maior Projeto de Evangelização da Igreja no Brasil”.icone_cf2017_bioma

Aguardem a melhor cobertura da CF 2017 e materiais exclusivos e o vídeo oficial produzido por nós.

Conheça os autores:

CNBB

Destaques