Liturgia

Liturgia

Entenda o motivo de Nossa Senhora ser Rainha e Mãe da fé

Maria como Rainha e Mãe da fé

Neste ano jubilar mariano, no qual celebramos os 300 anos de Aparecida e os 100 anos de Fátima, é significativo meditarmos sobre Nossa Senhora como Rainha e Mãe da fé, pois, se a incredulidade de Eva fez o pecado e a morte entrarem no mundo, por sua fé, a Virgem Maria fez com que o Filho de Deus, a vida (cf. Jo 14, 6) e a santidade (1 Pd 1, 14) se encarnassem no ventre da Virgem de Nazaré. Dessa forma, ao crer no anúncio do anjo e obedecer a vontade de Deus (cf. Lc 1, 26-38), nossa Rainha abriu as portas do Paraíso, que haviam se fechado pela desobediência de Eva.

A fé incomparável da Virgem Maria

A virtude teologal da fé em Maria é superior a de todos os homens e anjos, pois ela via tudo com olhar de fé:

“Via o Filho na manjedoura de Belém e cria-o Criador do mundo. Via-o fugir de Herodes, sem, entretanto, deixar de crer que era Ele o verdadeiro Rei dos reis. Pobre e necessitado de alimento, ela O viu, mas reconheceu Seu domínio sobre o universo. Viu-O reclinado no feno e confessou-O onipotente. Observou que Ele não falava, mas Lhe venerou a infinita sabedoria. Ouviu-O chorar e O bendisse como as delícias do paraíso. Viu, finalmente, como morria vilipendiado na cruz, e, embora outros vacilassem, conservou-se firme, crendo sempre que ele era Deus” 1 .

São João testemunha que a Mãe de Deus estava junto à cruz de Jesus no Calvário (cf. Jo 19,25). Embora todos vacilassem, ela permaneceu firme, na sua jamais abalada fé na divindade de seu Filho Jesus Cristo, e em tudo que Ele havia revelado, especialmente quanto à sua ressurreição. Em memória de seu ato de fé, no Ofício das Trevas tradicionalmente se conserva uma vela acesa. Por isso, São Leão atribuiu a Nossa Senhora a seguinte passagem do livro dos Provérbios: “A sua candeia não se apagará durante a noite” (31,18).

Santo Alberto Magno dizia que a Virgem Maria exercitou a fé por excelência. Enquanto até os discípulos vacilaram em dúvidas, ela permaneceu firme na fé. Por causa dessa grandiosa e inabalável fé, São Metódio atribuiu a ela o título de “Virgem da luz de todos os fiéis”. Por sua vez, São Cirilo de Alexandria a saudava como Rainha da fé.

Confira o Hino e cifra das músicas da Novena de Aparecida 2017

A Virgem Maria e a vivência da fé

Santo Ildefonso nos exorta a imitar a Virgem Maria na fé, ou seja, a viver conforme a nossa fé, pois já dizia São Tiago: “Assim como o corpo sem a alma é morto, assim também a fé sem obras é morta” (Tg 2,26). Sendo assim, não podemos nos dizer cristãos pela fé e pelas palavras, e não ser cristãos pelas obras. Ou mudamos de nome ou de vida. Se cremos que há uma eternidade feliz à espera dos bons e uma infeliz para os maus, não podemos viver como se não crêssemos nessa doutrina.

São Luís Maria ensina que um dos efeitos da consagração a Virgem Maria é a participação da sua fé:

“A Santíssima Virgem vos dará uma parte na fé, a maior que já houve na terra, maior que a de todos os patriarcas, profetas, apóstolos e todos os santos. Agora, reinando nos céus, ela já não tem esta fé, pois vê claramente todas as coisas em Deus, pela luz da glória. Com assentimento do Altíssimo, ela, entretanto, não a perdeu ao entrar na glória; guardou-a para seus fiéis servos e servas na Igreja militante” 2 .

Sendo assim, quanto mais ganhamos a benevolência desta Rainha e Mãe da fé, mais profunda será a nossa fé em toda a nossa conduta:

“…uma fé pura, que vos levará à despreocupação por tudo que é sensível e extraordinário; uma fé viva e animada pela caridade que fará com que vossas ações sejam motivadas por puro amor; uma fé firme e inquebrantável como um rochedo, que vos manterá firme e contente no meio das tempestades e tormentas; uma fé ativa e penetrante que, semelhante a uma chave misteriosa, vos dará entrada em todos os mistérios de Jesus Cristo, nos novíssimos do homem e no coração do próprio Deus; fé corajosa que vos fará empreender sem hesitações, e realizar grandes coisas para Deus e a salvação das almas; fé, finalmente, que será vosso fanal luminoso, vossa via divina, vosso tesouro escondido da divina Sabedoria e vossa arma invencível, da qual vos servireis para aclarar os que jazem nas trevas e nas sombras da morte, para abrasar os tíbios e os que necessitam do ouro candente da caridade, para dar vida aos que estão mortos pelo pecado, para tocar e comover, por vossas palavras doces e poderosas, os corações de mármore e derrubar os cedros do Líbano, e para, enfim, resistir ao demônio e a todos os inimigos da salvação” 3 .

Assim, se quisermos alcançar a salvação, imitemos a fé da Virgem Maria, Rainha e Mãe da fé. Mas se quisermos progredir na vida espiritual, buscar a santidade, a consagração a Nossa Senhora, segundo o método de São Luís, é um caminho fácil, rápido, perfeito e seguro de chegar a Jesus Cristo 4. Por meio da consagração, cresceremos de fé em fé, pois não dependeremos somente de nossos esforços. Mas a Santíssima Virgem nos comunicará a sua fé e, consequentemente, produziremos bons frutos pela caridade.

Nossa Senhora, Rainha e Mãe da fé, rogai por nós!

Referências:
1 SANTO AFONSO MARIA DE LIGÓRIO. Glórias de Maria, p. 424.
2 SÂO LUÍS MARIA GRIGNION DE MONTFORT. Tratado da Verdadeira Devoção à Santíssima Virgem Maria, 214.
3 Idem, 214.
4 Cf. idem, 152.

https://formacao.cancaonova.com
Natalino Ueda
Natalino Ueda é brasileiro, católico, formado em Filosofia e Teologia. É o autor do blog Todo de Maria, que tem como temas principais a devoção mariana e a consagração a Nossa Senhora segundo o método de São Luís Maria Grignion de Montfort

Confira a programação da Festa da Padroeira 2017

A Festa da Padroeira do Brasil é celebrada todos os anos, em outubro, no Santuário Nacional de Aparecida. Em 2017 a Festa da Padroeira terá uma motivação muito especial, pois nesse ano são comemorados os 300 anos do Encontro da Imagem de Nossa Senhora Aparecida no Rio Paraíba do Sul. Assista na TV Aparecida também pela internet.

A Festa da Padroeira do Brasil começa no dia 01 de outubro e se estende até o dia 12 de outubro na cidade de Aparecida, em São Paulo. Além do Momento Mariano, consagrações, acolhidas no Altar Central e acolhidas às Romarias e Autoridades, há diversas outras atividades previstas.

Veja o que mais está previsto na programação do evento:

Missas
Missa de Abertura da Semana da Criança
Missa das Crianças
Novenas
Novena com participação Terço dos Homens
Novena com participação da Juventude
Novena com participação da Guarda Municipal e Escola de Samba Vila Maria
Carreata
Passeio Ciclístico
Procissão Memória
Procissão Solene (saída da Praça Matriz Basílica)
Show de Amor e Fé (Lançamento de CD)
Local: Tribuna Dom Aloísio Lorscheider
Participações: Vida Reluz, Cantores de Deus, Antônio Cardoso, Jonny, Grupo Ir ao Povo e Pe. Agnaldo José.
Solenidade do lançamento da medalha comemorativa dos 300 anos do Encontro da Imagem de Nossa Senhora Aparecida pela Casa da Moeda do Brasil

Show 300 Anos de Bênçãos
Local: Tribuna Dom Aloísio Lorscheider
Participações: Rick Sollo, Rio Negro e Solimões, Gino e Geno, Renato Teixeira, Fátima Leão e Giovani
Show Pirotécnico

Os pregadores que participação da Festa da Padroeira do Brasil são os seguintes:
Dom Gilson Andrade da Silva – Bispo-auxiliar de Salvador/BA
Dom Geremias Steinmetz – Bispo de Paranavaí/PR
Dom Orlando Brandes – Arcebispo de Londrina/PR
Dom Airton José dos Santos – Arcebispo de Campinas/SP
Dom José Carlos de Souza Campos – Bispo de Divinópolis/MG
Dom Antonio Emídio Vilar – Bispo de São Luiz de Cáceres/MT
Dom Leonardo Steiner – Bispo-auxiliar de Brasília e secretário-geral da CNBB
Dom Marcos Marian Piatek – Bispo de Coari/AM
Dom Gregório Paixão – Bispo de Petrópolis/RJ

Confira a programação completa:
http://www.a12.com/santuario-nacional/institucional/detalhes/programacao-da-festa-da-padroeira-2017

Materiais para novena:
Clique aqui

Materiais / Subsídios para a Novena de Aparecida 2017

Neste ano celebramos o Jubileu dos 300 anos do encontro da imagem de Nossa Senhora Aparecida. Em preparação para esta grande festa, somos convidados a rezar por meio desta novena, que neste ano tem como tema “Nossa Senhora Aparecida: 300 anos de graças e de bênçãos”.

Baixe o Hino 300 anos de Aparecida – versão Padre Ezequiel: (Vídeo acima)

Baixe a Partitura / Cifra do Hino 300 anos de Aparecida – versão Padre Ezequiel:

Baixe o Hino 300 anos de Aparecida – versão Santuário Nacional:

Baixe a Partitura / Cifra do Hino 300 anos de Aparecida original:

Partituras / Cifras de todas as músicas da Novena 2017: (Glorifica minha Alma ao Senhor)

Pôster comemorativo aos 300 anos de Nossa Senhora Aparecida:

Oração Jubilar: 300 Anos de Bênçãos

Senhora Aparecida, Mãe Padroeira,
em vossa singela imagem, há 300 anos
aparecestes nas redes dos três benditos pescadores no Rio Paraíba do Sul.
Como sinal vindo do céu, em vossa cor,
vós nos dizeis que para o Pai não existem escravos,
apenas filhos muito amados.
Diante de vós, embaixadora de Deus,
rompem-se as correntes da escravidão!
Assim, daquelas redes,
passastes para o coração e a vida de milhões de outros filhos e filhas vossos.
Para todos tendes sido bênção:
peixes em abundância, famílias recuperadas, saúde alcançada,
corações reconciliados, vida cristã reassumida.
Nós vos agradecemos tanto carinho, tanto cuidado!
Hoje, em vosso Santuário e em vossa visita peregrina, nós vos acolhemos como mãe,
e de vossas mãos recebemos o fruto de vossa missão entre nós:
o vosso Filho Jesus, nosso Salvador. /
Recordai-nos o poder, a força das mãos postas em prece!
Ensinai-nos a viver vosso jubileu com gratidão e fidelidade!
Fazei de nós vossos filhos e filhas,
irmãos e irmãs de nosso Irmão Primogênito, Jesus Cristo,
Amém!

Apresentação em Power Point sobre a história de Aparecida:

Modelo de Novena de Nossa Senhora Aparecida:

Baixe o Hino e Cifra da Novena 300 anos de Aparecida 2017

300 ANOS DE APARECIDA
Pe. Zezinho, scj

300 anos de devoção a Maria
300 anos de oração com Maria
300 anos de adoração a Jesus
Nestas colinas de Aparecida

Solidários no Sacrário
Missionários queremos ser
Pequenina, restaurada
A sua imagem nos ensinou

A ser um povo que não sabe esmorecer
E se acaso for ferido, oprimido e esmagado
Esquecido e machucado
Outra vez reencontrado
Nosso povo saberá renascer

300 anos de devoção a Maria
300 anos de oração com Maria
300 anos de adoração a Jesus
Nestas colinas de Aparecida

Novena e Festa da Padroeira do Brasil 2017!

A Novena e Festa da Padroeira do Brasil 2017 celebra os 300 anos do Encontro da Imagem de Nossa Senhora. Um momento especial de devoção e fé do povo brasileiro!

Novena e Festa 2017
Todos os anos, em outubro, celebramos a Festa da Padroeira. Neste ano, a celebração acontecerá com um motivo especial: a comemoração dos 300 anos do Encontro da Imagem de Nossa Senhora Aparecida nas águas do Rio Paraíba do Sul. São 300 anos de uma história de devoção, bênção e graça.

O livro da Novena e Festa da Padroeira 2017 chega para auxiliar todos os devotos da Rainha e Padroeira do Brasil nesse momento grandioso. A obra contém os textos da novena diária, os cânticos que serão entoados durante as celebrações e a missa da Solenidade de Nossa Senhora Aparecida.

Segundo Padre João Batista de Almeida, C.Ss.R, Reitor do Santuário Nacional, a expectativa é de que a novena seja feita por momentos especiais de oração e de que os encontros propostos, no livro, sejam restauradores de vida, recuperadores de dignidades perdidas e libertadores de escravidão assim como tem sido a história da devoção a Nossa Senhora Aparecida nestes 300 anos.

Baixe o Hino 300 anos Aparecida original 2017:

Baixe o Hino 300 anos Aparecida original 2017 – Playback Especial:

Baixe a Cifra do Hino 300 anos Aparecida original 2017:

Oração de São José pelos nossos pais

Oração de São José pelos nossos pais

Senhor, pela intercessão de São José, pai adotivo do teu filho Jesus,
venho hoje te pedir que estendas Tuas Mãos Divinas sobre todos os pais,
abençoando-os.

Abençoa, Senhor, o pai amigo e companheiro,
o pai sempre presente, que oferece o colo e estende a mão,
mas também o pai ausente, colocando em seu coração todo o Teu Amor.

Abençoa, Senhor, o pai que hoje recebe o abraço de seus filhos,
e o pai que chora a ausência do filho que partiu para Teus braços.

Dá a este o consolo da mansa saudade e enxuga,
com Teu Divino Manto, as lágrimas que vertem de seus olhos.

Estende, Senhor, Tuas mãos de Amor sobre todos os pais,
concedendo-lhes os dons da paciência,
compreensão, tranquilidade, ternura, justiça,
fé em Deus e esperança quanto à vida e aos seus filhos.

Concede-lhes Amor, muito Amor,
para que cada filho seja, para seu pai, um pai.

E para que cada pai seja, para seu filho, um filho.
E aos filhos cujos pais estão junto a Ti,
dá a fé e o entendimento de que os pais nunca vão embora.
Eles apenas mudam de lugar.

São José, rogai por nós.
Amém!

São José, escolhido pelo Pai para ser o guarda fiel e providente dos seus dois maiores tesouros: O Filho de Deus e a Virgem Maria; e ele cumpriu com a máxima fidelidade sua missão. Eis porque o Senhor lhe disse: ‘Servo Bom e Fiel! ’ Vem participar da alegria do teu sonho”. (Mt 25,21) (Sermão de São Bernardino de Sena).

No livro Gênesis 42,25 vemos que José do Egito, filho de Jacó, ordenado que se enchessem as sacas de trigo para saciar a fome de Israel… E provisões para o caminho de volta.

O Papa Leão XIII, na sua famosa Encíclica, de cinco de agosto de 1889, quando proclamou São José padroeiro da Igreja Universal, fez a comparação entre estes dois grandes Josés, dizendo: “Esses dois homens assemelham-se extraordinariamente, não apenas pelo nome, mas pelas virtudes e pelas suas vidas, ambas ricas em provações e alegrias”.

+ Recente
Comentários
Tags