Bispos avaliam positivamente a Campanha da Fraternidade 2022

A avaliação da Campanha da Fraternidade 2022 é positiva, a partir das partilhas realizadas na manhã desta quarta-feira, terceiro dia da etapa virtual da 59ª Assembleia Geral da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (AGCNBB). Após breve relato do secretário executivo de Campanhas da CNBB, padre Patriky Samuel Batista, os bispos reagiram com partilhas e elogios à ressonância do tema trabalhado neste ano.

Segundo o padre Patriky, a CF 2022, cujo tema é “Fraternidade e Educação”, teve uma acolhida “positiva e significativa” e “ajudou a potencializar o Pacto Educativo Global”, proposto há três anos pelo Papa Francisco. Em todo o país, há várias iniciativas programadas para realização nos próximos meses. O lema, “Fala com sabedoria, ensina com amor”, foi “de singular beleza”. Nas reações, unanimidade na avaliação positiva da proposta. O bispo de Campos (RJ), dom Roberto Francisco Ferrería Paz, elogiou a ressonância da CF 2022 e disse que esta edição “apontou caminhos de esperança”.

O arcebispo de Santa Maria (RS), dom Leomar Antônio Brustolin, partilhou sobre a abertura da CF numa escola localizada na periferia da região com o envolvimento de diversas autoridades. Ele destacou que a CF 2022 “resgata um dos valores mais importantes que são as questões sociais mais profundas que temos que enfrentar”. O bispo de Guarapuava (PR), dom Amilton Manoel, destacou “a profundidade, a grandeza e o impacto” que o tema da CF causou em todos os setores de sua diocese, chegando às escolas, universidades e na casa legislativa municipal.

Pacto Educativo Global

O arcebispo também sublinhou a relação com o Pacto Educativo Global, que tem sido bandeira para iniciar processos em vista de uma educação transformadora.

Outros bispos também destacaram a relação com o Pacto. Dom Vital Corbellini, bispo de Marabá (PA), lembrou da aldeia educativa que precisa estar empenhada para realizar a educação integral motivada pelo Papa.

O bispo da diocese de Patos de Minas (MG), dom Claudio Sturm, partilhou que a CF contribuiu para que a equipe diocesana do Pacto Educativo Global se reanimasse, após o arrefecimento por conta da pandemia. Em sua diocese, foi realizado um encontro com o prefeito da cidade para acolher sugestões e propostas da CF 2022.

Leia mais

Como levar a CF-2022 para as salas de aulas?

Neste ano, a Campanha da Fraternidade, em celebração à Quaresma 2022, com início no dia 2 de março, convida a todos a abraçarem os valores cristãos – comunhão, amor e fé – através da educação. Com o tema “Fraternidade e Educação” e o lema “Fala com Sabedoria, ensina com amor” (Pr 31,26) , a campanha, realizada pela Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB), está diretamente ligada ao Pacto Educativo Global, criado pelo Papa Francisco, a fim de promover novos diálogos acerca da educação.

Com o objetivo de fortalecer a CF 2022, a União Marista do Brasil (Umbrasil) e a Província Marista Brasil Centro-Sul (PMBCS) somam-se a CNBB para estimular o espírito comunitário e o aprendizado de uma vida mais amorosa e solidária e lança uma página especial com uma série de materiais sobre a Campanha da Fraternidade disponíveis gratuitamente para download. Um dos lançamentos é o livro digital “Como trabalhar a Campanha da Fraternidade em sala de aula”.

De acordo com José Leão, Diretor Executivo da PMBCS, a educação precisa estar à serviço da vida e do bem-estar coletivo. “Refletir sobre isso é colocar processos educativos à nossa disposição para iluminar caminhos e promover novas e melhores vivências, com relações próximas, justas, pacíficas e espiritualizadas. A ideia é conscientizar sobre o papel da coletividade no desenvolvimento humano e social, promovendo uma mudança que começa nas salas de aula e está muito alinhada com a Missão Marista que há mais de 200 anos busca causar verdadeiras transformações por meio da educação”, explicou.

Videoaulas sobre a Campanha da Fraternidade

Além do e-book (download abaixo) e materiais editáveis para as redes sociais, apresentações e outras comunicações, a página especial sobre a CF 2022 da Umbrasil e da PMBCS também disponibiliza um curso com videoaulas e módulos sobre a campanha, destinado principalmente à comunidade escolar. O curso é do Farol 1817, plataforma de cursos digitais gratuitos da PMBCS. Os módulos das videoaulas trabalham diretrizes pedagógico-pastorais, capacitando professores para uma didática da escuta, em que a construção de diálogos colabora para a aproximação comunitária, rompendo as barreiras do ódio, preconceito e indiferença.

Campanha da Fraternidade 2022 na sala de aula:

Curso

Canal do YouTube

Essa é a terceira vez que a Igreja do Brasil escolhe a educação como norteadora da Campanha da Fraternidade, evidenciando a importância e urgência do tema para o crescimento espiritual e social da população brasileira. Durante o período quaresmal, também serão promovidas ações para avaliar o impacto de políticas públicas no sistema educacional do país, formas de inserir a família como colaboradores das instituições de ensino, propostas educativas, enraizadas no Evangelho, que defendam a dignidade humana e a cultura do encontro e do cuidado e estratégias para uma educação comprometida com novas formas de economia, política e progresso.
Sobre a Província Marista Brasil Centro-Sul (PMBCS)

A Província Marista Brasil Centro-Sul (PMBCS) é uma unidade administrativa do Instituto Marista que foi idealizada em 1817 por Marcelino Champagnat, na França. Presente no Paraná, Santa Catarina, São Paulo, Mato Grosso do Sul, Distrito Federal e na cidade de Goiânia. A instituição atua em prol da missão Marista, que é ser farol que orienta e promove a vivência dos valores do Evangelho, do jeito de Maria, contribuindo para a formação de cidadãos éticos e solidários para a transformação da sociedade, com foco nos direitos de crianças e jovens.

 

Marista / Portal Kairós

CF 2022: Mensagem do Papa Francisco

Papa Francisco envia mensagem por ocasião da abertura da Campanha da Fraternidade 2022

O Papa Francisco deseja ao Brasil que o Tempo Quaresmal seja ocasião de “verdadeira conversão” e que as sementes lançadas ao longo deste caminho frutifiquem “em ações concretas a favor de uma educação integral e de qualidade”. Assim ele expressou seus votos no início da Quaresma deste ano, com a Mensagem por ocasião da abertura da Campanha da Fraternidade 2022.

Francisco recordou o início da caminhada quaresmal, salientando as práticas penitenciais do jejum, da esmola e da oração pelas quais, neste tempo, se vai “ao encontro pessoal e renovador com o Ressuscitado, em quem temos a verdadeira vida e do qual devemos ser fiéis testemunhas”.

Sobre o tema da CF deste ano, Francisco destacou ser importante refletir sobre a relação entre “Fraternidade e Educação”, “fundamental para a valorização do ser humano em sua integralidade, evitando a ‘cultura do descarte’ – que coloca os mais vulneráveis à margem da sociedade – e despertando-o para a importância do cuidado da criação”.

A CF 2022, para o Papa, é oportunidade para “reconhecer e valorizar a importante missão da Igreja no âmbito educativo”. E neste contexto da abordagem da educação, o pontífice apresentou dois desejos para a vivência da Campanha da Fraternidade no Brasil.

Leia mais

A quarta-feira de cinzas da Quaresma 2022

“(…) rasgai o coração, e não as vestes; e voltai para o Senhor, vosso Deus;” (cf. Jl 2,13ab)

Quarta-feira de cinzas da Quaresma 2022

Quarta-feira de cinzas da Quaresma 2022

Iniciamos a Tempo da Quaresma 2022 com a celebração da Quarta-Feira de Cinzas, onde somos convidados a vivenciar nestes próximos quarenta dias e cinco domingos, a imersão nas dimensões do Jejum, da Oração e da Esmola. Reavivando em nossos corações a conversão necessária em nossas palavras, pensamentos e ações para que possamos celebrar com bastante fervor a Paixão, Morte e Ressurreição de Nosso Senhor Jesus Cristo. Como é sabido, “este dia e a Sexta-Feira Santa são os únicos dias em que é pedido a todos os adultos que jejuem em sinal de disponibilidade e solidariedade” (cf. Missal Dominical – Missal da Assembleia Cristã)

Também, neste dia, iniciamos a Campanha da Fraternidade 2022, que tem como o tema FRATERNIDADE E EDUCAÇÃO, cujo lema é “Fala com sabedoria, ensina com amor” (cf. Pr 31,26), tendo como objetivo geral: “Promover diálogos a partir da realidade educativa do Brasil, à luz da fé cristão, propondo caminhos em favor do humanismo integral e solidário” (cf. Texto-base CF 2022, p.19).

A Primeira Leitura, retirada da Profecia de Joel (Jl 2,12-18), o profeta exorta ao povo em vivenciar a oração e a conversão. “Agora, diz o Senhor, voltai para mim com todo o vosso coração, com jejuns, lágrimas e gemidos; rasgai o coração, e não as vestes; e voltai para o Senhor, vosso Deus; ele é benigno e compassivo, paciente e cheio de misericórdia, inclinado a perdoar o castigo” (cf. Jl 2,12-13). Ora, a conversão não é simplesmente viver de ritos penitenciais, atrelados em cumprimentos de protocolos, mas sim de conscientização da conversão das ações e atitudes; renunciando as misérias que envolta os corações para que a herança da graça do perdão possa desabrochar para a vida do convertido.

O Evangelho narrado por São Mateus (Mt 6,1-6.16-18), nos apresenta Jesus exortando os seus discípulos a vivenciar as dimensões do jejum, da oração e da esmola, dado que tais atos sejam realizados pelo coração, onde somente Deus saiba das ações realizadas destas. Afinal, “quando deres esmola, que a tua mão esquerda não saiba o que faz a tua mão direita, de modo que, a tua esmola fique oculta. E o teu Pai, que vê o que está oculto, te dará a recompensa”, (…) “quando tu orares, entra no teu quarto, fecha a porta, e reza ao teu Pai que está oculto. E o teu Pai, que vê o que está escondido, te dará a recompensa”, (…) “Tu, porém, quando jejuares, perfuma a cabeça e lava o rosto, para que os homens não vejam que tu estás jejuando, mas somente teu Pai, que está oculto” (cf. Mt 6,3.6.17-18).

A Segunda Leitura extraída da Segunda Carta de São Paulo aos Coríntios (2Cor 5,20-6,2), Paulo em súplica a todos em deixar-se reconciliar em Deus, porque a reconciliação é possível dada que é a vontade do próprio Deus, afinal foi através de Jesus Cristo que fomos reconciliados e que, não devemos deixar esta graça passar, ou que seja recebida em vão. “Pois Ele diz: ‘No momento favorável, eu te ouvi e no dia da salvação, eu te socorri’. É agora o momento favorável, é agora o dia da salvação” (cf. 2Cor 6,2).

Que o nosso caminhar pelo Tempo da Quaresma, possamos imergir nas dimensões da Oração, do Jejum e da Esmola; refletir sobre a Campanha da Fraternidade 2022 e; cheios da graça da reconciliação, possamos vivenciar os dias da Paixão, Morte e Ressurreição de Jesus Cristo, guiados pelo deserto da penitência até o encontro do manancial da conversão.

Saudações em Cristo!

 

Dom Eurico dos Santos Veloso – Arcebispo Emérito de Juiz de Fora (MG)

 

CNBB / Portal Kairós

CNBB abre oficialmente a CF 2022 na quarta-feira de cinzas

CNBB abre oficialmente a CF 2022 na quarta-feira de cinzas, 2 de março, às 10h, com cerimônia virtual.

A Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB) lança, na Quarta-feira de Cinzas, 2 de março, a Campanha da Fraternidade de 2022, com o tema: “Fraternidade e Educação” e o lema bíblico, extraído de Provérbios 31, 26: “Fala com sabedoria, ensina com amor”.

A abertura oficial ocorrerá com a divulgação de um vídeo às 10h, com pronunciamentos dos membros da presidência da CNBB e convidados. Será possível acompanhar o vídeo por meio das redes sociais da entidade (Youtube e Facebook) e emissoras de televisão de inspiração católica. A abertura virtual, assim como a do ano passado, deve-se à escolha da CNBB, como forma de prevenção à pandemia.

Para os veículos de comunicação, a Assessoria de Comunicação da CNBB organiza uma coletiva de imprensa, com representantes da direção da entidade, por meio da plataforma Zoom. A sala virtual, onde os jornalistas poderão assistir ao vídeo de lançamento da CF, será aberta às 9h50. Um cadastro será necessário para acessá-la e receber o texto-base da CF.  Caso tenha interesse em participar, preencha o formulário para o acesso: https://forms.office.com/r/UMK5mn5KBN.

Atenderão à imprensa o secretário geral da CNBB e bispo auxiliar do Rio de Janeiro (RJ), dom Joel Portella; o secretário-executivo de Campanhas da CNBB, padre Patriky Samuel Batista e o padre Júlio César Rezende, membro da Pastoral da Educação e da Comissão Episcopal Pastoral para a Cultura e Educação da CNBB.

Leia mais