Campanhas da Igreja Católica – O objetivo é evangelizar

Conheça as músicas da Campanha da Fraternidade 2022

Hino da CF 2022 e Repertório Quaresmal do ano C

O tempo quaresmal é contínuo chamado à transformação interior, rumo à alegria das festas pascais. Nos domingos deste tempo, fica mais forte, em um movimento crescente, o convite a sair do individualismo, rumo à vida nova, marcada pelo sentido comunitário e pela busca por respostas de diálogo. A Igreja no Brasil, como maneira de vivenciar essa espiritualidade, propõe a Campanha da Fraternidade, cujo objetivo é unir forças na construção de uma sociedade que melhor corresponda à mensagem do Evangelho (cf. Mc 1,15).

Músicas da Campanha da Fraternidade 2022

Em 2022, os bispos do Brasil nos convidam “à luz da fé, a refletir sobre a educação em nosso país, convictos de que ela é indispensável para a construção de um mundo mais justo e fraterno”. O tema da educação nos apresenta, portanto, o Cristo Mestre que, em suas palavras e gestos, deseja instruir no amor e na sabedoria. Contemplamos e cantamos, como proposta de caminho orante, a Palavra que nos educa e transforma.

As músicas da Campanha da Fraternidade 2022 aqui apresentadas, e também suas letras, cifras e partituras, partem da Sagrada Escritura e desejam nos introduzir no Mistério celebrado, ora criando espaço à escuta, ora inspirando respostas concretas.

O repertório de cada um dos domingos, com suas ênfases próprias, traduz os anseios da comunidade em música e oração, sempre em consonância com as diretrizes litúrgicas próprias deste Tempo sagrado.

Agradecimento à Comissão Episcopal Pastoral para a Liturgia (Setor Música Litúrgica) que, com muito zelo e cuidado, elaborou o valioso material (seleção das músicas) que certamente ajudará as comunidades de todo o Brasil, fazendo ressoar o refrão: “E quem fala com sabedoria é Aquele que ensina com amor. Sua vida em total maestria é pra nós, luz, caminho, vigor”.

Músicas da Campanha da Fraternidade 2022

01 – Fala com sabedoria, ensina com amor – refrão meditativo
02 – Ó Deus, tu tens compaixão
03 – Tenho os olhos sempre fitos no Senhor
04 – A mim, Ó Deus, fazei justiça
05 – Misericórdia, ó Senhor – Salmo Responsorial da Quarta-feira de Cinzas
06 – Em minhas dores, ó Senhor – Salmo Responsorial do 1° Domingo da Quaresma
07 – O Senhor é minha luz e salvação – Salmo Responsorial do 2° Domingo da Quaresma
08 – O Senhor é bondoso e compassivo – Salmo Responsorial do 3° Domingo da Quaresma
09 – Provai e vede quão suave é o Senhor – Salmo Responsorial do 4° Domingo da Quaresma
10 – Maravilhas fez conosco o Senhor – Salmo Responsorial do 5° Domingo da Quaresma
11 – Meu Deus, meu Deus, por que me abandonastes? – Salmo Responsorial do Domingo de Ramos
12 – Glória e louvor a vós, Ó Cristo
13 – A vós, louvor e honra
14 – Escuta, Senhor, a voz do povo teu
15 – Até mesmo o pardal um abrigo encontra
16 – Vamos celebrar um banquete
17 – Hino da CF 2022
18 – Hino da CF 2022- playback

Dom Joel Portella Amado – Bispo Auxiliar de São Sebastião do Rio de Janeiro- RJ –  Secretário-Geral da CNBB / Portal Kairós

Como usar as músicas da CF 2022 na liturgia?

Músicas da CF 2022 na liturgia

Ecoando o Hino da Campanha da Fraternidade 2022, as músicas da “CF 2022 na liturgia” nos convidam a participarmos desta grande ciranda fraterna e educacional: “E quem fala com sabedoria, é aquele que ensina com amor, sua vida em total maestria, é pra nós luz, caminho, vigor”. Com essas músicas, o espírito quaresmal, sobretudo nas celebrações eucarísticas, é melhor vivido ao entoarmos juntos cantos apropriados, que nos auxiliam a rezar e a melhor assimilar e viver o significado proposto pelo tema e pelo lema da CF-2022.

CF 2022 na liturgia

Refrão orante: Fala com sabedoria, ensina com amor (CF 2022 – 01)

QUARTA-FEIRA DE CINZAS

Abertura: Ó Senhor, tu tens compaixão (CF 2022 – 02)
Salmo Responsorial: Misericórdia, ó Senhor (CF 2022 – 05)
Imposição das Cinzas: Troquemos nossa veste (CFE 2021 – 03)
Aclamação ao Evangelho: Louvor e glória a ti, Senhor (CF 2020 – 05)
Apresentação das Oferendas: Escuta, Senhor (CF 2022 – 14)
Comunhão: Vosso jejum, esmola e oração (CFE 2021 – 05)
Final: Hino CF 2022 (CF 2022 – 17 e 18)

1° DOMINGO DA QUARESMA

Abertura: Quando teu servo chamar (CF 2018 – 05)
Salmo Responsorial: Em minhas dores, ó Senhor (CF 2022 – 06)
Aclamação ao Evangelho: Louvor e glória a ti, Senhor ( CF 2020 – 05)
Apresentação das Oferendas: Escuta, Senhor  (CF 2022 – 14)
Comunhão: Nós vivemos de toda Palavra (CF 2017 – 13)
Final: Hino CF 2022 (CF 2022 – 17 e 18)

2° DOMINGO DA QUARESMA

Abertura: Fala, assim, meu coração (CF 2014 – 03)
Salmo Responsorial: O Senhor é minha luz e salvação (CF 2022 – 07)
Aclamação ao Evangelho: Louvor a vós, ó Cristo (CF 2018 – 10)
Apresentação das Oferendas: Escuta, Senhor (CF 2022 – 14)
Comunhão: Jesus , filho amado (CF 2017 – 14)
Final: Hino CF 2022 (CF 2022 – 17 e 18)

3° DOMINGO DA QUARESMA

Abertura: Tenho os olhos sempre fitos no Senhor (CF 2022 – 03)
Salmo Responsorial: O Senhor é bondoso e compassivo (CF 2022 – 08)
Aclamação ao Evangelho: Glória e louvor a vós, ó Cristo (CF 2022 – 12)
Apresentação das Oferendas: Escuta, Senhor (CF 2022 – 14)
Comunhão: Até mesmo o pardal um abrigo encontra (CF 2022 – 15)
Final: Hino CF 2022 (CF 2022 – 17 e 18)

4° DOMINGO DA QUARESMA

Abertura: Rejubilai-vos, Jerusalém (CF 2020 – 04)
Salmo Responsorial: Provai e vede quão suave é o Senhor (CF 2022 – 09)
Aclamação ao Evangelho: A vós, louvor e honra (CF 2022 – 13)
Apresentação das Oferendas: Escuta, Senhor (CF 2022 – 14)
Comunhão: Vamos celebrar um banquete (CF 2022 – 16)
Final: Hino CF 2022 (CF 2022 – 17 e 18)

5° DOMINGO DA QUARESMA

Abertura: A mim, ó Deus, fazei justiça (CF 2022 – 04)
Salmo Responsorial: Maravilhas fez conosco o Senhor (CF 2022 – 10)
Aclamação ao Evangelho: Glória a Vós, ó Cristo, verbo de Deus (CF 2017 – 09)
Apresentação das Oferendas: Escuta, Senhor (CF 2022 – 14)
Comunhão: Mulher, ninguém te condenou? (CF 2018 – 18)
Final: Hino CF 2022 (CF 2022 – 17 e 18)

DOMINGO DE RAMOS DA PAIXÃO DO SENHOR

Abertura: Seis dias antes da solene Páscoa (CFE 2021 – 12)
Salmo Responsorial: Meu Deus, meu Deus, por que me abandonaste (CF 2022 – 11)
Apresentação das Oferendas: Escuta, Senhor (CF 2022 – 14)
Comunhão: Ó pai, em tuas mãos (Cantos do Evangelho)
Final: Hino CF 2022 (CF 2022 – 17  e 18)

CNBB / Portal Kairós

Igreja católica celebra o Dia do Nascituro 2021

Nesta sexta-feira, 8 de outubro, será celebrado o Dia do Nascituro 2021. Para a data, as comunidades, paróquias e dioceses de todo o Brasil são convidadas a realizar um Sinal da Esperança. O chamado é para acender velas, a fim de “propagar a ‘Luz de Cristo’ para que possa iluminar e proteger as vidas vulneráveis e indefesas”.

A Oração do Nascituro (abaixo) deve acompanhar as velas acesas, num momento de devoção e unidade com toda a Igreja no Brasil.

O ato pode ser realizado em frente a uma Igreja, numa praça pública ou lugar que o grupo achar oportuno. No subsídio Hora da Vida, a Comissão Nacional da Pastoral Familiar (CNPF) sugere que a comunidade local se mobilize e realize ações adicionais, de acordo com a sua realidade, como procissões, passeatas, oração do Santo terço e outras, em unidade com todas as pastorais, movimentos e serviços presentes na comunidade.

Direito de nascer

O assessor da Comissão Episcopal Pastoral para a Vida e a Família da CNBB e secretário executivo da Comissão Nacional da Pastoral Familiar, padre Crispim Guimarães, recorda que neste dia dia 8 de outubro, “somos chamados a visitar nossas consciências sobre o ‘direito de nascer’ da criança, que ainda vive dentro do útero materno e que tem o direito à proteção, à alimentação, a um nascimento sadio, ao respeito de sua vida e saúde e tem também o direito de ser amada”. Infelizmente, observa padre Crispim, as crianças têm suas vidas ameaçadas “por grupos econômicos poderosos e países que em nome de supostos ‘direitos humanos’, menosprezam a humanidade daqueles que na barriga de suas mães são vidas”.

Bênçãos do Senhor

O subsídio Hora da Vida 2021 oferece para o Dia do Nascituro um roteiro de celebração com o tema “Os filhos são bênçãos do Senhor”.

“Neste Dia do Nascituro 2021, a reflexão será sobre o cuidado com a vida humana em formação e com a necessidade de celebrar a vida e a missão de cada pessoa, desde o momento em que é gerada, passando pelo início de seu desenvolvimento como pessoa sonhada e amada por Deus. Todos nós fomos um dia nascituros, no ventre de nossas mães“.

Recordando a encíclica Evangelium Vitae, o texto traz a convocação de São João Paulo II: “Urge uma mobilização geral das consciências e um esforço ético comum, para se atuar uma grande estratégia a favor da vida”.

Outro convite é que as famílias procurem informações sobre grupos de defesa da vida nas comunidades, bairro ou cidade. Que participem de atividades de apoio a famílias em risco e de atos para construção de políticas públicas justas em defesa do Nascituro.

Pastoral Familiar / Portal Kairós

Divulgado o hino oficial da Campanha da Fraternidade 2022

O hino oficial da Campanha da Fraternidade 2022 é a expressão musical da mensagem que se quer fazer ecoar por meio do tema da Campanha “Fraternidade e Educação” e o lema “Fala com sabedoria, ensina com amor” (Pr 31,26).

Veja o versão do hino pela CNBB (abaixo) e em breve a versão do Portal Kairós / amigos:

De autoria de Eurivaldo Silva Ferreira, a letra do hino da Campanha da Fraternidade 2022 aborda a educação na formação integral da pessoa humana e destaca em seu refrão a imagem de Cristo que “fala com sabedoria e ensina com amor”, cuja vida “em total maestria é pra nós luz, caminho, vigor”.

“E quem fala com sabedoria
É Aquele que ensina com amor,
Sua vida em total maestria
É pra nós luz, caminho, vigor” (Refrão do Hino da CF 2022).

Já Miguel Philippi que é maestro do Coral Nossa Senhora da Lapa (Ribeirão da Ilha) e do Coral Vozes do Mar, é o compositor da música do hino oficial da Campanha da Fraternidade 2022.

Em uma postagem em sua rede social Miguel disse: “Bastante surpreso, mas cheio de alegria, recebi a notícia de que minha sugestão de música foi acolhida para ser o Hino da Campanha da Fraternidade de 2022. Que ela realce o belo texto preparado pelo Eurivaldo, e ajude a levar a todas as comunidades a reflexão preparada pelos nossos bispos para esta campanha com o tema “Fraternidade e Educação“, lema: “Fala com sabedoria, ensina com amor” (Pr 31,26). Deixo um agradecimento especial às amigas Ailce, Gabriela e Najla que gravaram comigo o áudio que foi enviado como proposta, e a todos aqueles que ficaram na torcida!”

Materiais da CF 2022

A letra

Leia mais

A Semana Nacional da Vida 2021

Semana Nacional da Vida 2021

A Semana Nacional da Vida 2021

“O casal que ama e gera a vida é a verdadeira ‘escultura’ viva (…), capaz de manifestar Deus criador e salvador”. (AL, n. 11)

A família é o Santuário da vida. Mas qual vida? Todas as vidas! Porque na família é que se guarda e se revela a comunicação humana, onde se acolhe e protege a vida “contra os múltiplos ataques a que está exposta, e pode desenvolver-se segundo as exigências de um crescimento humano autêntico. Por isso, o papel da família é determinante e insubstituível na construção da cultura da vida” (EV, n. 92).

O Hora da Vida, que a cada ano proporciona uma reflexão sobre o valor inviolável da vida humana, oferecendo em uma linguagem acessível a oportunidade para que as famílias, em casa ou em grupos de pequenas comunidades missionárias, possam conhecer a voz e o Magistério da Igreja, em 2021, tem como principal fonte a Carta Encíclica Evangelium Vitae, de São João Paulo II. Nessa Carta Circular, “como igreja doméstica, a família é chamada a anunciar, celebrar e servir o Evangelho da vida”.

De 1º a 7 de outubro, os católicos são convidados a celebrar a Semana Nacional da Vida, através da oração, da escuta da Palavra e da solidariedade para com os mais vulneráveis, especialmente neste tempo de pandemia, quando muitas pessoas são vistas por parte da população mundial como descartáveis. Vemos o desprezo de governos que não se importam com a vida do povo em seus países e de países que não se compadecem das nações mais pobres. Assim acontece com o Haiti, a nação mais pobre das Américas que até julho não tinha aplicado uma única dose do imunizante. Enquanto nos chamados países ricos existem imunizantes suficientes para o dobro ou o triplo de suas respectivas populações.

No dia 8 de outubro, somos chamados a visitar nossas consciências sobre o “direito de nascer” da criança, que ainda vive dentro do útero materno e que tem o direito à proteção, à alimentação, a um nascimento sadio, ao respeito de sua vida e saúde e tem também o direito de ser amada, mas que, infelizmente, está ameaçada por grupos econômicos poderosos e países que em nome de supostos “direitos humanos”, menosprezam a humanidade daqueles que na barriga de suas mães são vidas.

Celebremos a vida, dom de Deus no Santuário de nossas famílias!

Pe. Crispim Guimarães dos Santos

Assessor da Comissão Episcopal Pastoral para a Vida e a Família da CNBB  e Secretário Executivo Nacional da Pastoral Familiar.

Pastoral Familiar / Portal Kairós