Posts

Formação da CF 2020 já começou nas regionais pelo Brasil

Encontro de Preparação para a Campanha da Fraternidade 2020, promovido pelo Regional Sul 1

Depois da realização do Seminário Nacional da Campanha da Fraternidade (CF) 2020 realizado de 1º a 3 de outubro deste ano, do qual participaram representantes de todos os 18 regionais da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB), regionais e dioceses se mobilizam em encontros de Formação da CF 2020 pelo Brasil.  Com o tema “Fraternidade e vida: dom e compromisso” e o lema “Viu, sentiu compaixão e cuidou dele” (Lc 10,33-34), assessores das atividades apostam que esta campanha enfrentará o desafio de sair da “globalização da indiferença” para a “revolução do cuidado” com a vida.

O padre Danilo Vitor Pena, do clero da Arquidiocese de Curitiba (PR), que assessorou encontro realizado em São Paulo, destacou a necessidade de promover trabalho pastoral com vivência madura de fé, que se torne presença e leve a experiências de proximidade. “Não podemos levar apenas uma sopa noturna para quem vive nas ruas e, no dia seguinte, fazer como quem não conhece seu rosto”, provocou o padre Danilo. “Nós queremos agir localmente para influenciar globalmente”, completou, ressaltando a necessidade de unir uma iniciativa individual, eclesial e comunitária com uma iniciativa de busca de solução por meio de políticas públicas, ligando com a temática da CF 2019.

O padre Valdecir Badzinski, secretário executivo da CNBB Sul 2, que coordenou o seminário para as dioceses do Paraná realizado de 26 e 27 de outubro, afirmou que o tema é muito presente e instigante para o contexto atual: “Quando pensamos em fraternidade e vida estamos dizendo que é preciso ter um olhar profundo sobre a vida em todas as instâncias, desde o seu princípio até o seu fim natural e também sobre a vida do planeta, a nossa casa comum”, disse.

Para Mônica Pimentel, coordenadora regional de Campanhas do Nordeste 1, o tema da CF 2020 é de muita responsabilidade para quem é agente de pastoral. “Se nós entendermos a função da campanha e o papel que ela pode desempenhar na vida do agente pastoral, nós podemos fazer um grande trabalho de humanização”, disse. Para ela, a importância desse momento, com a realização dos Seminários Regionais, é preparar as lideranças diocesanas que estão à frente do processo da campanha nas dioceses. Acompanhe, abaixo, um giro sobre os eventos que estão acontecendo e agendados para este ano.

Materiais e subsídios para a Campanha da Fraternidade 2020
Materiais de formação sobre a Santa Dulce

Atividades da CF 2020 realizadas nos regionais da CNBB

Regional Oeste 1
(Regional Oeste/ Diocese de Jardim / Diocese de Dourados)
A Comissão Regional se reuniu, dia 15 de outubro, para o repasse do Seminário Nacional e para preparar o Seminário Regional marcado para os dias 23 e 24 de novembro próximo em Campo Grande.

Regional Sul 1
(Arquidiocese de Campinas)

João Francisco Teixeira – coordenador diocesano da Campanha da Fraternidade, a irmã Maria Bernadete Meneghello – coordenadora diocesana das Pastorais Sociais, e o seminarista Carlos Araki participaram, entre os dias 08 e 10, no Mosteiro de Itaici, em Indaiatuba/SP, do encontro formativo para a Campanha da Fraternidade 2020.

De 8 a 10 de novembro, em Itaici, Indaiatuba (SP), ocorreu, em São Paulo, o Encontro Estadual da Campanha da Fraternidade 2020, que terá como tema “Fraternidade e vida: dom e compromisso” e o lema “Viu, sentiu compaixão e cuidou dele” (Lc 10,33-34). Agentes das sete sub-regiões trabalharam os desafios para sair da “globalização da indiferença” para a “revolução do cuidado”. A figura da primeira santa brasileira com dois milagres reconhecidos, Santa Dulce dos Pobres, esteve também presente em toda a reflexão, assim como ocorre nos textos inspiradores propostos pela Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB). O Anjo Bom deve será a patrona e inspiradora de ações individuais e comunitárias.

Regional Sul 2

Leia mais

Podcast: Fraternidade e Vida, dom e compromisso

Fraternidade e Vida, dom e compromisso

Entenda um pouco as Campanhas promovidas pela Conferência Nacional dos Bispos do Brasil. Padre Patriky Samuel Batista, Secretário Executivo para Campanhas da CNBB, falou sobre a Campanha da Fraternidade de 2020.

Todos os anos a CNBB apresenta a Campanha da Fraternidade como caminho de conversão quaresmal. É uma atividade ampla de evangelização que pretende ajudar os cristãos e pessoas de boa vontade a vivenciarem a fraternidade em compromissos concretos, provocando, ao mesmo tempo, a renovação da vida da Igreja e a transformação da sociedade, a partir de temas específicos.

Padre Patriky, da Diocese de Luz e Secretário Executivo para as Campanhas da CNBB, falou em uma entrevista ao Vatican News sobre o sentido das Campanhas realizadas no Brasil.

Materiais e subsídios para a Campanha da Fraternidade 2020
Materiais de formação sobre a Santa Dulce

Padre Patriky Samuel

Em uma breve explicação, Padre Patriky nos recordou quais são as três campanhas organizadas pela CNBB: Campanha para a Evangelização, Campanha da Fraternidade e Fundo Nacional de Solidariedade.

Quando falou sobre a Campanha da Fraternidade de 2020, com o tema “Fraternidade e Vida, dom e compromisso” destacou a questão do cuidado a vida em todos os âmbitos. Com o lema inspirado no Bom Samaritano, “Viu e sentiu compaixão e cuidou dele”, explicou o significado da Campanha:

“ Olhando o nosso cenário atual, não somente no nosso pais, mas no mundo como num todo, nós percebemos diversas realidades onde a vida tem sido descuidada. O tema vai desde a questão do aborto, dos pobres e da questão ecológica, olhando sobre tudo as periferias existenciais. Talvez essa deva ser uma das primeiras campanhas, que toca diretamente nas periferias existenciais como Papa Francisco nos fala. Situações como depressão, automutilação, também o numero de pessoas desaparecidas, que no Brasil chega a 800 mil pessoas, segundo os dados que temos atualmente. Então, o desejo da Campanha da Fraternidade para 2020 é conscientizar, a luz da Palavra de Deus, para o sentido da vida como dom e compromisso, esse dom e compromisso que se traduze em relação de mutuo cuidado dentre as pessoas, na família, na comunidade e também na sociedade. A vida é um intercambio de cuidados, e nós que cremos que Jesus é a vida, a Campanha da Fraternidade vai nos ajudar a refletir isto: quando nós nos dispomos a cuidarmos uns dos outros, a vida recobre um novo sentido. ”

A imagem escolhida para a ilustrar a CF de 2020 foi de Santa Dulce dos Pobres, cercada de pessoas no Pelourinho em Salvador. Padre Patriky nos explicou o porquê desta escolha.

“ Qual seria a imagem que poderia caracterizar o bom samaritano para os dias atuais? Lembramos de diversas mulheres, religiosas, leigas, e dentre tantas possibilidades, nós olhamos Santa Dulce, vida doada e vida santificada. Ela que fez de um galinheiro uma obra de cuidados extraordinário, não somente a obra em si, mas ela mesma foi sinal da obra de Deus, no cuidado, se aproximando e cuidando. Dai então a escolha de Santa Dulce como este ícone do Bom Samaritano para os dias de hoje, que estimula também a caminhada missionaria da Igreja. Vida doada e vida santificada! ”

Acompanhe toda a entrevista no áudio abaixo
  1. CF 2020 - Podcast 01

Podcast é um arquivo digital de áudio transmitido através da internet, cujo conteúdo pode ser variado, normalmente com o propósito de transmitir informações.

 

Vatican News / Portal Kairós

Já estão agendados os primeiros encontros da CF 2020

Encontros de formação sobre o tema da Campanha da Fraternidade 2020

Materiais e subsídios para a Campanha da Fraternidade 2020
Materiais de formação sobre a Santa Dulce

Encontros da CF 2020

Online

Seminário da Campanha da Fraternidade 2020
Período do evento: de 04/11/2019 a 04/11/2019 –  Seminário online
– Seminário da Campanha da Fraternidade 2020
Data: 04/11/2019
Horário: 10h às 12h

Temas:
01 – Introdução ao Tema da Campanha da Fraternidade – Pe. Patriky Samuel
02 – Sentir Compaixão: O Processo de Aprendizagem – Ira. Maria Sueli Rohr
03 – Ver, Sentir Compaixão e Cuidar – Fundamentos Bíblicos – Prof. Nilson Pegorini
04 – Campanha da Fraternidade vs BNCC – Rodinei Balbinot

Inscrição do evento

Florianópolis

Estudo da Campanha da Fraternidade 2020 – SC
Local do evento: COLÉGIO CATARINENSE
Período do evento: de 09/11/2019 a 09/11/2019 Rua Esteves Júnior, 711 – Centro – Florianópolis/SC
Fraternidade e Vida: Dom e Compromisso!

Inscrição do evento

São Paulo

Leia mais

Equipe de Campanhas do Regional Nordeste 1 promove capacitação 2020

Aconteceu entre os dias 09 e 10 de novembro a formação para as equipes de campanhas da (arqui)dioceses que compõem o Regional NE 1. Cerca de 30 participantes estiveram presentes vindos de Fortaleza, Itapipoca, Sobral, Tianguá, Crato, Iguatu, Quixadá e Limoeiro. A temática desenvolvida foi o estudo sistemático do Texto Base da CF de 2020, que tem como lema “Viu, sentiu compaixão e cuidou dele” e tema “Fraternidade e vida: dom e compromisso”, sendo ministrado pelo secretário executivo de Campanhas da CNBB, padre Patricky Samuel Batista. A metodologia desenvolvida pela manhã (09) foi apresentado o VER; durante a tarde o JULGAR e no domingo o AGIR.

Para Mônica Pimentel, coordenadora regional de Campanhas, a importância desse momento é preparar as lideranças diocesanas, “porque quem vem (para a formação) é o líder que está a frente da campanha na diocese e que lá vai precisar ter um trabalho maior junto aos representantes das paróquias” e acrescenta “o tema é de muita responsabilidade para quem é agente de pastoral. Porque se nós estendemos a função da campanha e o papel que ela pode desempenhar na vida do agente pastoral, nós podemos fazer um grande trabalho de humanização esse ano.”

“E essa campanha vai trazer um outro olhar, o olhar da compaixão. É um tema bastante amplo quando se fala em relação à vida, onde nossos jovens, adultos, idosos e crianças passam por tantas momentos complicados. É um momento de olhamos para o outro. Nos sentimos motivados para levar essa Campanha à nossa Região e Arquidiocese.“, reflete Lucivângela Luz, da Região Episcopal São Francisco (Arquidiocese de Fortaleza).

Para o Secretário Executivo da Campanha, Pe. Patricky Samuel, as motivações para a realização da CF de 2020, “nós encontramos no lema ‘Viu , sentiu compaixão e cuidou dele’, essas foram as atitudes do bom samaritano, essa história que é contada por Jesus, nos ajuda a fazer aquela pausa necessária. Que a Campanha de 2020 ajude as comunidades a interromper a rotina, para cuidar de quem está a beira do caminho, necessitado de presença, de acolhida, de cura. Um coração ardente de amor por Jesus Cristo que não se contém em ver a realidade, se aproxima, cuida a partir da força da Palavra de Deus, da força do Evangelho para viver e crescer em comunidade”.

CAMPANHA DA EVANGELIZAÇÃO

Mônica Pimentel: A Campanha da Evangelização é assumir o trabalho de organização da diocese e nas paróquias. Agora o que nós percebemos no dia a dia é que se as equipes pastorais realmente não forem de verdade, não há nem sentido para existir. Tem que ser equipes para ajudar a mudar a realidade de segurança, violência, de falta de vida digna para todos, sem exceção, e isso requer um preparo e uma organização.

Pe. Patricky Samuel: A Campanha fala da ação evangelizadora da Igreja no Brasil, no qual o gesto concreto subsidiam a evangelização no Brasil, seja para manutenção dos trabalhos da CNBB, seja para o fomento missionário das diversos iniciativas nos regionais. É bem verdade que nosso povo é muito generoso, mas ainda podemos crescer na generosidade e na corresponsabilidade no anuncio do Evangelho.

 

Alex Ferreira – Setor de Comunicação do Regional / Portal Kairós

Encontro reuniu lideranças da Campanha da Fraternidade 2020

Encontro reuniu lideranças da Campanha da Fraternidade 2020

Encontro de formação reuniu lideranças da Campanha da Fraternidade para estudar e preparar ações em todas as dioceses do estado

“Viu, sentiu compaixão e cuidou dele” (Lc 10, 33-34). De 8 a 10 de novembro, em Itaici, Indaiatuba (SP), ocorreu o Encontro Estadual da Campanha da Fraternidade 2020, que terá como tema “Fraternidade e vida: dom e compromisso” e o lema “Viu, sentiu compaixão e cuidou dele” (Lc 10,33-34).

Agentes das sete sub-regiões trabalharam os desafios para sair da “globalização da indiferença” para a “revolução do cuidado”, com os trabalhos consagrados desde o início à Mãe Aparecida. A figura da primeira santa brasileira com dois milagres reconhecidos, Santa Dulce dos Pobres, esteve também presente em toda a reflexão, assim como ocorre nos textos inspiradores propostos pela Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB). O Anjo Bom deve ser na próxima campanha patrona e inspiradora de ações individuais e comunitárias.

Leia mais

Downloads

Estamos trabalhando...

Nada encontrado!